17 de jun de 2017

Minha instax mini 8

(imagem não autoral - autor desconhecido)


Sabe aquela sensação de tirar uma foto e já poder ter ela em mãos? Pois é, a câmera instantânea da FujiFilm possibilita essa sensação. 



"A Instax Mini 8 é uma câmera instantânea da FujiFilm que está à venda no Brasil. Com design e usabilidade retrô, o dispositivo é capaz de imprimir as fotos registradas na mesma hora. oferece um tamanho compacto com medidas de 116 x 118,3 x 68,2 mm e peso de apenas 307 g. Isso é uma vantagem para quem gosta de levar a câmera para passeios, na bolsa ou mochila. O interessante é que estão disponíveis diversas cores, para o usuário escolher o modelo que mais se identificar, como o rosa, azul, preto, amarelo, branco e roxo". (Tech Tudo)

A minha ganhei de presente de aniversário do meu namorado ➧➧ É o modelo mini 8 e rosinha:

(imagens autorais - câmera mais filmes)
Na primeira foto, a câmera está desligada...Quando ela está ligada a luz laranja acende e o foco abre, como acima do foco...

(imagem autoral)
A foto sai por esse buraquinho e aqueles desenhos são as funções de luminosidade, a única opção que você pode mexer, já que o flash vai ser alterado de acordo com a luz ambiente, assim você pode optar por cada uma de acordo com o tempo...

(imagem autoral)
A foto acima mostra como a câmera é atrás, ali onde tem o número "7" é a quantidade de fotos que ainda restam nos filmes. Do lado direito do número, tem o local para vocês colocarem a pilha AA, sim, ela funciona a pilha, mas, elas duram bastante. Essa abertura maior, a esquerda do número é o local onde você coloca o filme e o quadradinho preto é onde você olha para tirar a foto...

As fotos, como já falei, saem assim que você aciona o botão na frente da câmera e a imagem demora cerca de três minutos para ficar pronta! Até o momento, tirei apenas três fotinhas e uma delas saiu muito escura, pois ainda estava em "fase de treinamento" kkkkk

(imagens autorais)

Bom, particularmente, eu sou suspeita pra falar dessa câmera, até porque eu era louca para ter uma, e agora que tenho posso guardar os momentos especiais e viagens não apenas na memória do meu celular ou computador. Se está em dúvida, minha dica: você não vai se arrepender!


Ia esquecendo, as imagens têm o mesmo tamanho de um cartão de crédito:


(imagem autoral)

No próximo post ensinarei a regularizar a luz para cada ambiente e ainda falarei sobre os preços dos filmes e onde comprar acessórios e coisas legais para a câmera...

3 de jan de 2017

Diário de Viagem: Viajando para JERI de carro! 1º Dia

Olá pessoal, esse começo do ano passado, eu e minha família resolvemos viajar de ultima hora, e o destino que escolhemos foi Jericoacoara no Ceará.

Já conhecia o lugar pelas lindas e maravilhosas fotos da internet, e por aquele lindo e baphônico hotel que tem uma piscina em cada quarto. 

Quando começei a pesquisar efetivamente pelo lugar, pontos turísticos e fotos para inspiração foi um encanto só, a vontade só crescia para viajar.

Indo direto ao ponto, vou listar algumas dicas para vocês que querem viajar para Jeri!!

1º Passo: Escolhendo a data

A escolha da data é um passo muito importante, poque nos meses de dezembro a fevereiro e julho a agosto os preços são quase que absurdos. Como minha mãe é a única que não possui horário flexível para viagens, resolvemos por viajar no fim do mês de janeiro, quando os valores dão uma amenizada, se tivessemos esperado para o mês de fevereiro a diária do hotel ficaria cem reais mais barata.


2º Passo: Escolhendo o Hotel

Quando comecei a busca, estava mais perdida que cego em tiroteio, e depois de váaaaarias horas em frente ao computador encontrei um site chamado portal jericoacoara ele dá várias dicas sobre hoteis e transporte em Jeri.

Mas, ainda tendo o auxílio desse site, parti para um mais específico ainda o booking que facilita muito na hora de encontrar o hotel ideal. Entretanto, não fiz a reserva pelo site, usei ele somente para pesquisar preços de diárias e as datas mais baratas!!! 

Depois que escolhi o hotel entrei em contato direto com eles, o hotel que escolhemos foi o Jeri Village, que tinha quartos muito bons e muito amplos. Eu, minha mãe e minha irmã ficamos em apenas um quarto.

3º Passo: Viajando de Carro

Resolvemos sair daqui de Açailândia no dia 16 de janeiro, viajamos de carro, saímos por volta de 8 hrs da manhã e chegamos em Jijoca umas 21 hrs da noite. Chegando em Jijoca de Jericoacoara fomos procurar uma pousada para passar a noite, lá não tem muitas, o point mesmo é a vila de Jeri, e todas as pousadas que paramos cobraram o valor de R$ 200,00 reais para três pessoas.

---- 1º Dia de Viagem

A nossa reserva no hotel foi a partir do dia 17 de janeiro as 14 hrs, então na manhã seguinte aproveitamos para desbravar Jijoca de Jericoacoara.

O nosso primeiro point foi encontrar a Lagoa do Paraíso que é taaaaaaao linda nas fotos.
Depois de rodar muito, poque não sabíamos que o acesso para a lagoa era através dos bares e restaurantes, chegamos na água, minha primeira impressão foi o total desapontamento, porque no lugar que paramos não tinha naaaada, onde estavam as redinhas na água que as pessoas tiram fotos? Onde estavam as casinhas de palha??

Saindo de lá decepcionada seguimos procurando o Portal do Paraíso que por diversas vezes vi nas fotos do instagram, depois de encontrar alguns turistas que por acaso tinham pagado um guia para levá-los ao lado "rico" da lagoa resolvemos segui-los (detalhe que boa parte do caminho é de areia solta, mas nada que um bom motorista não dê conta) e então encontramos o alchymist beach club jericoacoara.

Lá sim, é bonito e bem arrumado, muito legal para tirar várias fotos como aquelas do instagram dos famosos que vão para Jeri.

Olha só as que tirei por lá!!

Almoçamos por lá mesmo, na parte de cima do restaurante que tem uma vista de toda a lagoa, a comida é ótima e com um preço acessível, uma refeição no cardápio serve duas pessoas, mas serviu muito bem três pessoas e ainda sobrou!

Depois de almoçar voltamos para o centro de Jijoca e deixamos o carro no estacionamento municipal, que conta com vigia, cobertura pro carro não ficar no sol e fica bem na entrada da cidade, a diária lá é de 15 reais.
Resolvemos deixar o carro por lá poque na Vila de Jeri os hoteis não possuem estacionamento pois é um local de proteção e os unicos veículos que podem circular são para embarque e desembarque de passageiros. Sem mencionar que nosso carro não é traçado, e metade do caminho é por dentro das dunas, o que é incrível.

A maioria das pessoas recomenda um carro traçado pra fazer o caminho até Jeri, mas não vi tanta necessidade disso não, durante todo o caminho vimos carros de passeio fazendo o trajeto. Impossível se perder! mas como diz o ditado, melhor previnir que remediar.

Deixando o carro no estacionamento, os funcionários chamaram uma Jardineira, que por aqui chamamos de pau-de-arara, e como já era 13:00 e não tinha mais nenhum turista resolvemos por fretar o carro que saiu por R$ 100,00 reais, o trajeto deve ter durado em torno de 30 minutos.

Quando chegamos no Hotel, só deixamos nossas malas e retocamos o protetor solar, e partimos para andar na praia. 

Tudo lá é perto o hotel mais distante deve ficar a 1 km da praia, então o que mais fizemos foi andar e andar.
A primeira impressão que tive foi de uma Vilinha, bonitinha onde as ruas são de areia e você não deve se preocupar em andar desarrumada kkkkk.

Depois de andar um pouco pela praia, resolvemos ir para o ponto Turístico Pedra Furada, fica a uns 3 km da vila, dá pra ir tranquilamente a pé, nós fomos pelo caminho do farol, onde você não passa pela praia.

Dica: Use sapato confortável e que não seja liso, pois a chegada na pedra tem um descida  suuuuper íngrime, leve uma garrafinha pequena de água e por onde for leve dinheiro, pois em todos os pontos turisticos há vendedores de água de coco, geladin, refrigerante...

Mas a noite o lugar que é bonitinho se torna ENCANTADOR, os bares, pubs, restaurante tem um aspecto tão descontraído, Jericoacoara a noite é M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A. Quantas pessoas diferentes, quantos ambientes diferentes, é um amor só, e é a noite que as lojinhas abrem, e cada lojinha mais linda que a outra, apaixonei.

Em cada canto que você vira tem uma pessoa falando uma lingua diferente, é Maravilhoso, foi ali que me perguntei o que fiz da minha vida todos esses anos e nunca viajei para fora do BRASIL?? lá a noite é simplesmente mágico!





2 de jan de 2017

Papel de parede com tecido?! É possível!


Primeiramente, FELIZ ANO NOVO à todos vocês que acompanham nosso blog... Novamente peço desculpa pelo sumiço dos posts e das nossas redes sociais, nosso pós faculdade realmente foi bem intenso e puxado, então não tivemos muito tempo para postagens, mas prometo, sempre que tiver um tempinho extra, estarei postando!

Depois de toda essa explicação (vulgo blá blá blá), vamos ao post de hoje!

Como já mencionei, o ano pós formatura (2016) foi bastante intenso, para a Dani e para mim (Martina). No segundo semestre dei início aos pontapés iniciais para abertura do meu escritório de advocacia, assim como qualquer pessoa que possui renda média mensal, e alguns gastos peculiares como aluguel e pagamento de pós-graduação, tive que dá alguns pulos na hora de escolher a decoração do escritório, para que ele não ficasse tão simples.

Todas vocês devem saber, que decoração, principalmente aqueles objetos que mais gostamos, custam um precinho bem salgado, e um desses exemplos é o PAPEL DE PAREDE. Comecei a pesquisar em vários sites, lojas sugeridas por outras bloggers (vale ressaltar as indicações de lojas não cabem no bolso de qualquer pessoa, ainda mais levando em consideração que se quer gastar menos possivel), e achei o preço bastante salgado, tanto do frete, quando o rolo, levando em consideração a quantidade de rolos de papel que precisaria para cobrir a parede...

E foi pesquisando que encontrei- não me recordo o blog para dar os créditos - essa ideia bastante legal e econômica: PAPEL DE PAREDE COM TECIDO!

Então comecei a comparar preços, verificar os materiais e o passo a passo... E juntando todas as dicas, resolvi postar minha experiência com o tecido na parede!

1) MATERIAIS




Você vai precisar de:
- Tecido (de sua preferência, bem como a metragem a depender do tamanho da parede que quer decorar)
- Cola branca simples ou cola branca reforçada (daquelas que vendem em lojas de materiais para construção)
- Broxa
- tesoura
- escada
- Água

P.S: os materiais que estou indicando, foram os mesmos que usei na minha parede!

2) PASSO A PASSO


obs 1) Em alguns blogs que li, vi que eles davam a dica de colar o tecido com uma parte a maior, ou seja, deixar sobrando dos lados, para depois cortar com o estilete, porque temem que o tecido encolha. Pessoalmente, fiz assim, mas tive alguns problemas, primeiro, em relação ao tecido escolhido,como o meu era a maior parte algodão, foi muito difícil cortar e deu muito trabalho. Segundo, você precisa de um estilete MUITOOOO AFIADO!

obs 2) Quanto mais algodão tiver na composição do tecido, melhor ele gruda na parede!

obs 3) Chame alguém para lhe ajudar!

Ok, feitas essas ressalvas, vamos ao passo a passo, que vai depender da "OBS 1"...


1) Meça o tecido em toda a parede antes de colar, a partir de então, você escolhe se corta as sobras ao final, ou já faz o corte na medida exata (se hoje fosse fazer novamente, optaria pela segunda opção, pelo motivo que já expliquei para vocês);

2) Misture a cola com a água na própria bandeja para tinta, isso fará com que ela renda mais (minha cola era de 1 kg, só usei metade dela);

3) Comece passando a broxa na cola, retirando os excessos e passando na parede, pela parte de cima, aqui cuidado para a cola não ficar escorrendo, porque pode forma camadas no tecido, então espalhe bem;

4) Espere alguns segundos, enquanto a cola seca um pouco (você pode testar colocando seu dedo, ela ficará com uma textura de fita adesiva, daí vá colocando o tecido, esticando bem, para não criar bolhas/camadas;

5) Então, vá repetindo esse processo, até finalizar todo o tecido. Ao final, depois de colado, passe novamente cola por cima do tecido, em toda borda, para que não desgrude.

Basicamente, segui esses passos, como falei, pesquisei vários passo-a-passo, e fiz meu próprio caminho, e meu resultado foi esse...


Meu custo foi cerca de R$ 60,00 (sessenta reais) ou menos, não me recordo bem, mas a média foi mais ou menos esta! Particularmente, gostei do visual da minha recepção, levando em consideração, que gastaria muito mais se fosse aplicar papel de parede!
E ai gostaram? Alguém já fez? Tem alguma dica?! Deixe nos comentários...

27 de jun de 2016

Namorar a distância!

(imagem não autoral)

“Namorar a distância não dá certo!”, “como você sabe que ele/ela não te trai?”, “nossa é preciso gostar muito pra namorar a distância né?”, “eu não conseguiria!”... Essas são algumas frases particulares que aqueles que se submetem a um namoro à distância são obrigados a ouvir. Sim, obrigados!  Confesso que não é nada agradável alguém chegar e começar a falar como se entendesse... Mas, são aspectos que aprendemos a lidar ao passar do tempo.

A maioria das pessoas carrega consigo uma dúvida, qual seja, “namorar a distância dá certo?”, outras procuram formulas (como se fosse uma ciência exata) essa história de dar certo ou não, ou mesmo em textos de blogs, a resposta para essa questão.

Acontece que, infelizmente, não existe uma calculadora que te diga se irá dar certo, e realmente é assim em qualquer tipo de relacionamento. Ocorre que, namorar a distância, não é para qualquer pessoa, é para quem ama.

Primeiro,  você tem que se adaptar e aprender a conviver, porque a distância é real... É preciso se doar e se esforçar para manter o relacionamento. Se acostumar com várias ligações ao dia, isso inclui pagar um plano mensal às operadoras de telefonia (lembrando que devem optar pela mesma operadora rsrs), aqueles que tem celulares iphone, às ligações por FaceTime, mensagens pelo whatsapp, Skype, Messenger... A tecnologia cooperou significativamente conosco, é sempre bom reconhecer isso.  E outra, se acostumar às viagens e aos planejamentos anuais rs, para saber “quem vai e quem bem!”.

Tudo é questão de escolha, se você realmente acredita que vai dar certo, e fizer com que dê certo, tenho plena convicção que isso se tornará verdade na sua vida. O que não pode ocorrer é entrar em algo sério, achando que é brincadeira, acima de tudo, em qualquer relacionamento, deve estar o respeito mútuo entre as partes, daí decorre a confiança.

“Não faça para os outros, aquilo que não deseja que façam com você!”, leve isso consigo como um verdade única... Ah, e não deem ouvidos aqueles que criticam e aos que são negativos/pessimistas, a sociedade está cheia de gente que não aguenta ver a felicidade das pessoas!


E por fim, se não der certo, qualquer tipo de relacionamento está sujeito a isso... Não apenas aqueles que são a distância!

25 de jan de 2016

5 passos para um casamento perfeito


Você e seu amado decidiram casar e não sabem quais passos precisam dar para começar os preparativos do grande dia? Então aqui está uma lista clara e básica com 5 dicas importantíssimas que vocês nubentes, precisam saber para planejar o casamento dos sonhos!

Bem sabemos que não é nada simples cuidar de todos os detalhes de um casamento, é com toda certeza de que precisarão de ajuda de profissionais que entendem do assunto e que possuem experiência, afinal este é um momento que não pode haver erros, precisa-se acertar na primeira tentativa.

(imagem Dantas&Galvão Cerimonial)

E vamos aos passos para a realização do casamento perfeito:

1º PASSO - LISTA DE CONVIDADOS

Este simples item definirá aproximadamente o valor financeiro que precisarão investir para a concretização do evento. É fundamental que os nubentes possam encontrar um tempo, fazerem esta lista juntos e terem algo em mente ( só chamem para o casamento essencialmente as pessoas mais próximas a vocês e que , de alguma maneira, fazem parte desta história), através dela também saberão a base para poderem encomendar os Convites, contratar Buffet, Local de recepção e Igreja. Os orçamentos de doces, bem casados e outras coisas como lembrancinhas, sempre precisarão ter a quantidade de convidados já decidida. 

2º PASSO - ANTECEDÊNCIA E ORGANIZAÇÃO

Depois de decidida a data do casamento, comecem a cuidar da papelada. Os noivos tem que dar entrada ao processo de habilitação para o casamento no cartório. Após 30 dias, não havendo nenhum impedimento legal, o cartório expedirá um documento chamado Certidão de Habilitação, que deverá ser entregue a autoridade religiosa antes da realização da cerimônia. 
É interessante que os noivinhos criem uma pasta para guardar todas as ideias e decisões que diz respeito ao casamento: contratações de serviço, documentação do casal, orçamentos...  Decidiam se a música vai ser com DJ ou banda ao vivo. Escolham quais vão querer durante a cerimônia religiosa e depois para a recepção. 
Procurem o fotógrafo bem antes, confiram o trabalho dele e contrate-o para reservar o dia de vocês. Sejam criteriosos neste aspecto também, afinal, as fotos eternizarão este momento especialíssimo na vida de todos. 
Atenção noivinhas: escolham seu vestido com tempo suficiente para fazer os reparos que sempre precisa. Tente deixar agendado o seu dia da noiva, deixe tudo acertado com seu hair style e maquiador. Estas são algumas dicas muito importantes, porém tem muitos outros detalhes, que com ajuda da cerimonialista contratada, vocês terão conhecimento. 

3º PASSO - EQUIPE DE CERIMONIAL

Este serviço é indispensável e essencial para os noivos que desejam que tudo ocorra como sonharam e planejaram há meses atrás. Graças a uma boa e experiente equipe de cerimonial, tudo estará sob controle e o que foi projetado durante toda a jornada, será executado durante a cerimônia religiosa e recepção. 
Noivos e noivas podem encontrar dificuldade de entrar em acordo sobre detalhes que envolvem o casamento, porem tendo um profissional nesta área (cerimonialista) poderão ser orientados sobre os passos que precisarão dar. Experimentem e vejam que não irão se arrepender, o mesmo pode conhecer serviços e fornecedores que o casal desconhece, possui uma forte influência no instante de conseguir descontos para os noivos e pode transformar a festa em um evento único, criativo e emocionante, tanto para os noivos como para os demais presentes na festa.

4º PASSO - TONS E ESTILO DA DECORAÇÃO

Os noivos precisam entrar em consenso e chegar a um denominador comum, assim podem decidir cores, tonalidades e um estilo que agrade os dois.
É bem verdade que ainda não estão casados, mas precisam ter a consciência de que é no noivado que as decisões já serão tomadas em conjunto (os dois precisam opinar).

5º PASSO - BUFFET

A comida do casamento é um dos itens mais relevantes da sua festa de casamento, a mesma deve ser escolhida com paciência pelos próprios noivos.
É crucial que os noivinhos optem por um cardápio que tenha a cara deles, que caiba dentro do orçamento e que combine com o horário que será servido.
É interessante que se tenha uma boa variedade, assim todos ficarão satisfeitos!

(imagem Dantas&Galvão Cerimonial)

Agora vocês já sabem como organizar um casamento perfeito. O texto apresentando os passos foi preparado pela equipe de cerimonial Dantas&Galvão Cerimonial,  vocês podem segui-los no instagram @degcerimonial.  Caso esteja pensando em planejar seu casamento, contrate a equipe Dantas&Galvão Cerimonial, entre em contato através do telefones (99) 99141-7131 e/ou (99)99115-5882 ou pelo e-mail dgcerimoniais@hotmail.com. Já viram que eles entendem do assunto né?!

Até o próximo post! ;*

22 de jan de 2016

escolhendo o vestido para colação de grau!


Meninas, minha colação de grau (dia 18 de fevereiro) se aproxima e ainda não encontrei o vestido ideal para usar na ocasião, me encontro totalmente perdida, por esse motivo, resolvi fazer esse post, tentando enumerar algumas dicas de "como escolher seu vestido para colação de grau", para me ajudar e ajudar aquelas que estiverem na mesma situação.

Uma seleção de vestidos para inspirar: 
A ESCOLHA DO SEU VESTIDO PARA A COLAÇÃO DE GRAU!!!


# 1ª DICA: Antes de tudo, é importante lembrar que, basicamente, isso quer dizer, quase ninguém te verá no vestido escolhido, exceto aqueles que estiverem na rua e no local da formatura, quando chegar e/ou sair, porque depois disso, você passará o solenidade toda vestida de beca (isso, aquele vestidão lindo #sqn, que não nos deixa nada bonitas), então queridinha, nada de exagerar na escolha, economize para o vestido do baile hahaha!

#2ª DICA: Evite vestidos estilo cinderela, balonês, com tule ou qualquer outro estilo que deem a aparência de volume (a não ser que você queira parecer bem maior do realmente é, dentro da beca). Evite também vestidos longos...

#3ª DICA: Escolha um vestido que deixe bonita e confortável, nunca se sabe quanto tempo vai demorar a cerimônia. 

21 de jan de 2016

Armchain e Legchain: conhece?


Quem ai não conhece o famoso "Body Chain" (colar de corpo)?! Pois é, ainda lembro,  assim que começaram os primeiros rumores sobre esse acessório, muita gente teve receio à utilizar, e hoje, virou praticamente febre, bastante utilizado com roupas no estilo boho e também com biquínis. 
E é nessa onda dos "chain" que vai o post de hoje!!!! Porque, além do "body chain", temos também, o "arm chain" e o "leg chain".


O "arm chain" (nome sugere uma tradução de cadeia de braço) é como se fosse um "colar de braço", podendo ser usado qualquer região do braço que desejar. 


Já o "leg chain" (sua tradução literal é cadeia de perna) funciona como um "colar de perna", muito usado com biquínis e shortinhos. 
Selecionei algumas peças em lojas que considero segura para comprar (possuem pag seguro):


1. Arm Chain - R$ 69,90 (Loja Dra. Biju);
2. Leg Chain - R$  45,00 (Loja Soul Feeling);
3. Arm Chain - R$ 38,50 (Loja Soul Feeling).

Já conhecia esses acessórios?
Deixe seu comentário, e
nos ajude a melhorar o blog ;*



*imagens não autorais